Do “Zé Povinho” ao “Zé Pereira”. O povo português é um povo percussivo por natureza.

“Zé Pereira” é um tema da autoria de Rui Rodrigues que apresentou em Abril de 2016 o seu primeiro disco a solo intitulado “Portugal-Velho”.

A gravação e os arranjos do tema foram partilhados com os Galandum Galundaina que, numa iniciativa original, editaram também este tema no seu novo disco “Quatrada”. O tema presta homenagem aos tocadores de percussão tradicional portugueses que, segundo a opinião do autor, não recebem suficiente crédito pelas suas intervenções sociais e culturais em Portugal.

Assista:

LETRA:

ZÉ PEREIRA

Oh Zé Pereira
És um homem quase santo
Ninguém sabe o teu encanto
E não sabes nem rufar

Oh Zé Pereira
Homem sem eira nem beira
Nem um euro na algibeira
Sempre solto para tocar

Oh Zé Pereira
Um tributo nacional
Não fazia nada mal
Viria para arrogar

Oh Zé Pereira
Sem beira nem eira beira
O mal-estar à tua beira
Poderia exortar

Oh Zé Pereira!
Sem eira nem beira eira
Ei-la na tua algibeira
A alma de Portugal!

Oh Zé Pereira!
Sem eira nem beira eira
Ei-la na tua algibeira
A alma de Portugal!

Oh Zé!
Oh Zé!
Oh Zé!
Pereira!